11.5.16

Vou ali abaixo e já venho!

Afinal não foi só a semântica a sofrer um revirote, sobretudo pela boca dos neoliberais no seu economês de pacotilha. Anda agora por aí, das bandas da cosmopolita Lisboa, uma expressão estranha, foleira, a mostrar a influência de linguajares estranhos à língua portuguesa.
" Vais prá onde"!
Prá onde?!
Artistas das telenovelas, apresentadores de espetáculos das tv's e outros andam todos com esta pérola suburbana na boca!
Vou ali abaixo e acho que já não volto!


5 comentários:

  1. Efeitos de uma confusão de Acordo ou pura e simplesmente desconhecimento?
    Aposto na segunda hopótese.

    Beijo, C

    ResponderEliminar
  2. Que Acordo?! Será agora o famigerado AO o culpado de tanta asneira que se ouve e lê?
    És um brincalhão! :-)
    Vou ser politicamente incorreta, coisa que evitei no post: esta fonética, os "ter morto" etc, etc, não são mais do que influências da mestiçagem linguística duma fauna que invadiu os palcos das tv's, os reallity shows que contaminam negativamente a sociedade que fica empanturrada de ignorantes, incultos...de gente encardida, como escreveu Eça de Queirós. E não me tenho na conta de uma snob, ou de uma dessas tias sobranceiras que desdenham de tudo, não! Mas olho à volta e vejo tudo tão reles, tudo tão de plástico impondo modas e comportamentos...

    Beijo, A.

    ResponderEliminar
  3. Não percebeste a ironia do meu comentário?
    "(...) tudo tão reles (...)"
    Tudo não mas quase.

    Beijo, C

    ResponderEliminar
  4. E o menino percebeu a minha afirmação seguida de um sorriso?

    Claro que topei que estavas a ser irónico.

    Beijo, A.

    ResponderEliminar

Conte...